BLOG MARTINS ANDRADE E VOCÊ–RASCUNHOS

crianca_siria_defende_a_mae_ja_ferida

O militar se prepara: olhar fixo no inimigo,   dedo no gatilho da submetralhadora em posição de tiro, mirando o subversivo, pronto para abatê-lo.

O inimigo é um perigoso subversivo, que usa uma arma letal, de última geração com quatro canos.

Um garfo!

Está entre sentado e a tentativa de erguer-se.

A arma em uma das mãos, numa atitude de defesa, é apontada para o militar. Com a outra mão, ele tenta proteger sua mãe, que vira o rosto, como se esperasse o desfecho fatal.

O coturno do militar contrasta com uma chinelinha de plástico, que repousa sobre uma pedra.

Mas os subversivos são assim: enganam as pessoas para dar uma ideia de pobreza. E aquele perigoso garfo não existe nas casas pobres da Síria.

Aquele subversivo deve pertencer a alguma célula que quer impor o comunismo naquele país. Por isso tem que ser abatido.

Aparentando ter no máximo 9 anos, faz-se necessário exterminar aquele subversivo para servir de exemplo.

Lembro-me de um recado de Charles Chaplin, no filme o Grande Ditador, quando ele faz o Último Discurso: “Soldados, não batalheis pela escravidão!”

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: