CORRUPÇAÕ – INOCENTE OU IMBECIL?

O cidadão passou a vida inteira sem conhecer uma investigação sobre qualquer coisa de seu país.

Havia um governo que jamais permitiu nenhuma investigação sobre si, nem sobre seus aliados.

Este governo enterrou 22 CPI’s para não ser investigado;  e a diretoria da Polícia Federal, seus delegados federais, que poderiam iniciar uma investigação, juntamente com os Procuradores Federais, ou eram do partido do governo, ou eram indicação de correligionários.

Daí, nunca ter acontecido nenhuma investigação.

A população jamais soube de corrupção acontecida dentro daquele governo porque não havia investigação, e a mídia amiga tratou de esconder esses fatos do povo.

Mas, tão logo outro governo assumiu, tratou de aumentar o número de agentes para investigação, e não nomeou seus correligionários para os comando da Polícia Federal, nem do Ministério Público.

E sucessivamente, casos de corrupção foram surgindo. Tanto do lado do próprio governo, quando das oposições.

Mas a mídia amiga tratou de colocar as coisas nas posições invertidas.

Ao governo que investigava, ela o apresentou ao povo como ladrão; e escondeu os amigos.

Amanhã, se a situação se inverter, e a oposição assumir o governo, a mídia se calará, e tal como antes, jamais se ouvirá falar de corrupção no Brasil.

E o cidadão nada dirá porque não terá a informação.

Sem querer tergiversar, o cidadão que se deixa levar por esses fatos, sem exercer seu raciocínio lógico, é um inocente ou um imbecil?

Anúncios
Post a comment or leave a trackback: Trackback URL.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: